Início > Fala dragão > Pensamentos soltos sobre começar uma nova campanha

Pensamentos soltos sobre começar uma nova campanha

Olá caçadores de Xp.

Enfim as coisas estão começando a se movimentar para eu começar a mestrar Shackled City na Saga. Como sempre eu sou uma pessoa insegura em relação ao que eu quero com a campanha. Existe um limite correto entre agradar os jogadores e agradar a si mesmo como mestre ? Eu gosto de campanhas com mais disciplina, mais lentas e com grande interação entre o cenario e os personagens, mas quando eu efetivamente mestro sempre sai ao contrario. Eu sempre achei que dava muita liberdade aos jogadores, mas não no sentido bom. Eu deixava muito a responsabilidade do jogo nas mãos deles e acho que afogo o jogo num mar de possibilidades e eles acabam se apegando ao familiar e concreto (que são as dungeons), ai mesmo que eu meto bala e toco dungeon na campanha.

Eu gosto de combates (se não não jogava tanto D&D minis), mas tambem gosto de interação e interpretação. Até agora, todas as campanhas que chegaram no ponto que eu gostei foram justamente a de Scarred Lands e a atual de Reinos de Ferro. Por eu sentia o mundo vivo, eu via os jogadores realmente preucupados com elementos da historia e nao apenas com seus propios personagens, e é isso que eu quero alcançar em Shackled City. Mas o trabalho do DM é ingrato e dificil. Qualquer errinho e destruimos a imersão.

Atualmente eu estou trabalhando a descrição em mim. Jogando com gente como Lucas e Hilton, eles conseguem descrever espontaneamente, coisa que eu não sei transmitir, minha grande frustração como mestre é que eu não domino bem a fala descritiva. Quanto eu interpreto algum NPC eu até acho que faço bem, mas e não consigo transportar as pessoas para a minha imaginação quando descrevo uma paisagem, uma sala ou até um personagem. Por isso eu tento compensar com dados, eu prolixamente sei a cor das meias, gostos e desgosto e a historia de 3 gerações da maioria dos NPCs. Mas fica muito chato ficar discursando a toa, então geralmente eu espero que alguem pergunte as coisas relevantes. Mas essa espectativa nunca se cumpre e eu fico baratinado. Tai uma oficina de RPG que eu gostaria de participar, como contar bem uma historia.

Tudo isso para dizer que o planejamento não basta, é preciso saber executar. Por isso nessa campanha nova eu nao quero ter dor de cabeça que me distraiam do meu treinamento para a excelencia pessoal. Só usarei as regras que eu me sentir confortavel e pronto.

E eu viajei totalmente no que queria dizer, mas é bom que fica um registro de como minha mente funciona de forma totalmente disconexa. Finis e inté.

Anúncios
Categorias:Fala dragão
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: